FRESP no facebook FRESP no Instagram FRESP no YouTube

Artesp apreende 13 veículos clandestinos de transporte de passageiros

14/11/2017

Terminou no último dia 10 a "Operação Sacoleiro" de fiscalização da Artesp (Agênca de Trasporte do Estado de São Paulo) para coibir irregularidades no transporte de passageiros no Estado de São Paulo. Iniciada no dia 06, a operação abordou 143 veículos nas Rodovias Anhanguera (SP 330), Bandeirantes (SP 348), Raposo Tavares (SP 270) e Castello Branco (SP 280). Desse total, 13 veículos foram apreendidos por estarem prestando o serviço de forma irregular, ou seja, sem licença, entre a Capital e o interior paulista. Atualmente, os passageiros contam com 921 empresas cadastradas para realizar o serviço de viagens intermunicipais rodoviárias no Estado de São Paulo, seja para viagens de trabalho, lazer ou estudos.

A Artesp alerta que o serviço irregular oferece inúmeros riscos aos passageiros, uma vez que o veículo não é vistoriado para este fim, não há garantia de que o motorsita seja habilitado para atuar no transporte coletivo e, em caso de acidente, não há seguro específico para os passageiros. Somente esse ano, entre janeiro e setembro, a fiscalização da Agência abordou 16.537 veículos nas rodovias do Estado, dos quais 1.116 foram apreendidos, pois realizavam transporte clandestino de passageiros.

A Atuação da Agência visa garantir a segurança dos passageiros. Antes de realizar uma viagem de fretamento intermunicipal, os usuários podem consultar no site da Artesp (www.artesp.sp.gov.br/transporte-coletivo-fretamento.html) se a empresa é regulamentada, bastando para isso saber a placa do veículo ou o CNPJ da empresa. A consulta vale para qualuer grupo de passageiros interessados em contratar o serviço de fretamento para viagens intermunicipais no Estado de São Paulo. Essa simples consulta evita eventuais transtornos e dá maior garantir de segurança para as viagens.

 

Voltar